segunda-feira, agosto 17

Maria vem comigo

quando senti vontade 
de escrever para você 
não soube o que falar
de um você tão diferente assim
poderia ser mal interpretada
se falasse dos seus cachos que amo
ou de seus olhos de contas
se dissesse que você me completa
como eu sempre busquei 
e sempre achei que seria
se garantisse a você 
que estarei aqui
sempre
porque na verdade
não tem amor maior que esse
amor por uma pessoa que eu sempre tive
que me fugiu pelos dedos
mas que voltou
a única 
a melhor
a Maria 

(agosto 2014)

__________
Eu guardei esse texto pro seu aniversário, semana que vem. Guardei por quase um ano. 
Mas seu novo aniversário vai ser hoje, ou amanhã, ou o dia em você renascer. 
Eu te amo, fique aqui.

Nenhum comentário:

Postar um comentário