terça-feira, julho 14

ab intestato

I know a girl 
She puts the color inside of my world 
But she's just like a maze 
Where all of the walls all continually change 

dela puxou os olhos
arredondados e a habilidade de frasear
palavras feitas
redemoinho no cabelo
dourado, a cor

And I've done all I can 
To stand on her steps with my heart in my hands 
Now I'm starting to see 
Maybe it's got nothing to do with me 

dele teve o azul e as covas
no queixo e no fundo
da vida, conturbada
a mente capaz
anuviando tão bem
via genética

On behalf of every man 
Looking out for every girl 
You are the god and the weight of her world 

por convivência e crescimento
vieram apego, posse e medo
da liberdade de que foge
uma sombra que lhe cobre
os olhos no rosto
que nunca vê

So fathers, be good to your daughters 
Daughters will love like you do, yeah 
Girls become lovers who turn into mothers 
So mothers, be good to your daughters too 

dedos pequenos o sorriso
de quem herdou mistério
a coragem veio
dos dois construída
bloco a bloco
e tempo

Nenhum comentário:

Postar um comentário