quarta-feira, junho 12

Sobre tatus, quatis e poemas de amor

Não consigo mais fazer
poemas de amor.
Quase todo o amor que eu tinha
se escondeu no teu sorriso.





3 comentários: