segunda-feira, abril 27

Minhas sinceras desculpas

Uma notícia recente despertou em mim profundos arrependimentos devido a uma frase dita aqui. Queria me desculpar com a família da falecida - e de tantos outros-, por dizer tal calúnia. Admito que errei e prometo não falar mais coisas absurdas como essa sem fazer uma pesquisa profunda sobre o assunto. Vocês, amiguinhos de quatro patas e focinho de bola, são lindíssimos e fofíssimos e não merecem insultos. De agora em diante só citarei meus amigos popós em relação a seu lado gentil, amigável e humano, ainda que antissocial. Minhas mais sinceras desculpas, aos hipopótamos.

6 comentários:

  1. Lindo! Mas você está se referindo àquela redação ''Ilhados''?
    E adorei o calendário! Como achou?

    ResponderExcluir
  2. Eu já tinha falado pra você que eles viviam em grupos

    ResponderExcluir
  3. Amigos.
    Não sou jornalista nem escrevo bem.
    Sou aposentado, recebendo do INSS e tendo o IR descontado na fonte. Não recebo as benesses de nosso apedeuta mor que tem pensão do INSS acima do máximo, isento de Imposto de Renda por se achar perseguido político, ou melhor, por se anistiado político.
    Luto com as armas que tenho que é um blog, como forma de desabafar ao ver tanta roubalheira, falta de ética, falta de honestidade e principalmente falta de vergonha na cara desta quadrilha que tomou de assalto o Palácio do Planalto.
    Quero convidar os amigos a participarem da minha forma de protesto, o blog Brasil – Liberdade e Democracia - http://brasillivreedemocrata.blogspot.com/.
    Se não levantarmos nossas vozes em protesto o que será deste país para nossos filhos e netos?
    Agora é a hora de lutarmos por uma pátria livre democrática, e sobre todo com governantes honestos e éticos.

    ResponderExcluir
  4. Política e hipopótamos são assuntos gêmeos.

    ResponderExcluir
  5. Hipopótamos são belos e legais.

    ResponderExcluir
  6. A notícia do fantoche me encantou.

    Beijo

    ResponderExcluir